poliTICs 12

Não é raro surgirem notícias sobre as relações comerciais entre empresas provedoras de tecnologias – em sua grande maioria, baseadas em países da Europa e América do Norte – e governos repressivos que violam direitos humanos e perseguem seus cidadãos.

Edição de maio . Ano 2012

Direitos Humanos e o comércio de tecnologias: como as corporações podem evitar colaborar com regimes repressivos

Já há anos é possível encontrar provas suficiente de que governos autoritários ao redor do mundo têm contado com tecnologias produzidas por empresas americanas, canadenses e europeias para facilitar violações de direitos humanos – e hoje tudo indica que esta tendência é crescente. De softwares que permitem filtramento e bloqueio de conteúdo online a ferramentas que ajudam governos a espionarem seus cidadãos, muitas de tais empresas estão servindo ativamente a governos autocráticos, como “pequenos ajudantes da repressão”.

WHOIS, conceitos e perspectivas

Quando é contratado um nome de domínio qualquer, seja sob um domínio de país ou sob um domínio genérico, a entidade registradora insere informações cadastrais do contratante do domínio em uma base de dados pública na Internet, conhecida como WHOIS. Por exemplo, uma consulta à base de dados WHOIS do nome de domínio “bb.b.br” (Banco do Brasil) apresenta o seguinte resultado...

Redes e estados-nação

O século 20 foi um século de instituições e de centralização do poder. Esta centralização foi impulsionada inicialmente pelo capital industrial e, em seguida, pelo capital financeiro e da indústri cultural. Agora nós estamos assistindo à mudança para um capitalismo da sociabilidade, que ao mesmo tempo é ativado por e requer novas estruturas de organização para a sua exploração. Como sempre, a agonia do velho é mais visível do que os passos hesitantes do novo; a crise do capital financeirizado do qual nós viemos depender tem prioridade nos meios de comunicação - que também estão morrendo.

Políticas de uso de ferramentas Web 2.0 pela Administração Pública na América Latina - o caso do Brasil: Gabinete Digital do Governo do Rio Grande do Sul

A iniciativa do Gabinete Digital do Governo do Estado do Rio Grande do Sul é recente. Foi lançada em 24 de maio de 2011, sob a coordenação direta do gabinete do governador Tarso Genro, gerando um espaço digital “dedicado à comunicação direta do governador com a população” onde são feitas perguntas que são submetidas a uma votação; a pergunta mais votada é respondida por Genro em um vídeo. Além disso, nesse espaço incentiva-se a divulgação, nas redes sociais, de consultas feitas pela população.

Páginas

 

Contato

Liga pra gente+55 (21) 3259-0370

Ou mande um e-mail

 

Endereço

Rua Sorocaba 219 / 501 parte

Botafogo . CEP 22271 110

Rio de Janeiro . RJ

Brasil